Siga o Blog do Oracy

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

O consumo diário de sementes pode ajudar na redução do colesterol ruim

As sementes podem ser usadas para controlar o colesterol ruim. Um especialista explica como preparar um kit de castanhas com frutas secas e quais são as porções exatas de sementes que a gente precisa comer por dia





Essa foi solução encontrada pelo Wilson Aparecido Rabelo na luta contra o colesterol. “Chegava a mais de 450, sendo que o ideal é 200. Hoje está próximo de 200", diz o administrador de empresa.
A receita do médico da Unicamp é baseada em pesquisas mundiais que comprovam a ação de sementes e castanhas no combate ao colesterol. Algumas agem no organismo como um remédio.
“As nozes são utilizadas para a prevenção de problemas cardiovasculares. O pistache reduz o nível de colesterol. A castanha do Pará tem o ômega 6 que também tem uma ação na redução do colesterol. E a própria castanha de caju, além do alto teor protéico, ela também reduz o colesterol”, explica Edson Credidio, nutrólogo da Unicamp.
Para obter o resultado medicinal é preciso disciplina. Os alimentos devem ser consumidos todos os dias, de forma controlada. “No caso das nozes para prevenção de doença cardiovascular, uma noz, que são duas tampinhas. O pistache, 40 gramas, aproximadamente uma colher de sopa. A castanha do Pará uma unidade por dia e a castanha de caju, duas a três unidades dia", diz o nutrólogo.
Para quem trabalha fora, outra orientação é fazer um kit anti-colesterol com frutas secas e castanhas. A sugestão tem tâmara, damasco, ameixa e uma noz inteira, que são as duas metades. O saquinho tem a porção na medida indicada. É fácil carregar e deve ser consumido entre as refeições. Um kit de manha e outro à tarde.
“O kit além de saudável é extremante barato. Como a fruta é seca não estraga, pode deixar na bolsa, no porta luvas do carro, na gaveta do trabalho e tentar comer a cada três horas", explica Edson Credidio.
Sementes podem complementar seu café da manhã

Coloque uma colher da mistura de quinua, amaranto, linhaça e gergelim, sobre o pão com queijo ou margarina. Outra opção é acrescentá-la ao iogurte.

Um comentário:

Mariana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.